Ligar e ver Mensagens PrivadasLigar e ver Mensagens Privadas   EntrarEntrar 

 
AGATHA CHRISTIE
Ir à página 1, 2  Seguinte
 
Novo Tópico   Responder a Mensagem    Índice do Fórum Mistério Juvenil : AUTORES E COLEÇÕES DIVERSAS
Ver mensagem anterior :: Ver mensagem seguinte  
Autor Mensagem

misterio
Administrador


Registrado em: 17 Out 2005
Mensagens: 2801
Local/Origem: Porto - Portugal

MensagemColocada: Qua Mai 20, 2009 3:08 pm    Assunto: AGATHA CHRISTIE Responder com Citação

MOUSETRAP - A RATOEIRA


Clique na imagem para ampliar
O Foyeur do Teatro St. Martins, Londres

Nesta minha ida a Londres aproveitei para ver a peça "Mousetrap" (A Ratoeira), um conto escrito por Agatha Christie em 1947.
Foi a representação número 23522, porque o curioso desta peça é o facto de estar em cena há 57 anos, figurando já no livro dos Recordes do Guiness.





Quando a Rainha Mary de Inglaterra estava preste a comemorar o seu 80º aniversário, foi questionada pela BBC se gostaria de celebrar o evento com uma peça de shakespeare ou com uma ópera.
A Rainha Mary disse que gostaria de ver uma peça escrita por Agatha Christie o que a autora prontamente escreveu o argumento para uma produção de rádio com 30 minutos e que foi para o ar no dia 30 de Maio de 1947 na BBC, nessa altura o título era Three Blind Mice (Três Ratos Cegos) baseando-se num caso real, a morte de um menino de doze anos por maus tratos de seus tutores, numa quinta da Inglaterra, em 1945. Christie escreveu um conto baseado no trabalho radiofónico, servindo mais tarde para a criação da peça teatral.
O nome original foi trocado para The Mousetrap, por insistência de uma autora inglesa que havia escrito uma peça de menor sucesso com o mesmo nome antes da Segunda Guerra Mundial.


A Ratoeira estreou no Theatre Royal, em Nottingham, em 6 de outubro de 1952, dirigida por Peter Cotes, e dali fez uma turnê por Liverpool, Manchester, Birmingham e Newcastle, até começar a ser encenada em Londres no dia 25 de Novembro do mesmo ano, no New Ambassadors Theatre, onde ficou em cartaz por quase 22 anos, até 23 de Março de 1974. Na apresentação seguinte foi transferida para o St. Martin's Theatre, onde está até hoje.

Agatha Christie pediu que o conto não fosse publicado enquanto a peça estivesse a ser representada no West End de Londres. Sendo assim um inédito na sua literatura na Grã-Bretanha, apesar de ter sido publicada nos Estados Unidos em 1950, num livro junto com outros pequenos contos.
Fora do West End, apenas uma versão da peça pode ser apresentada, uma vez por ano, esteve em Portugal em 2008 com encenação de Luís Costa pelo Grupo de Teatro das Três Peças de Woddy Allen e nenhum filme pode ser feito até seis meses depois do fim das representações.



Em relação ao Teatro, é uma verdadeira máquina do tempo, ao entrarmos no foyeur requamos de imediato umas cinco décadas atrás, com uma elegante decoração cem por cento a condizer com a cronologia da história que vamos assistir.
Os dois enormes candeeiros iluminam o foyeur onde podemos encontrar a bilheteira, uma discreta lojinha e os acessos às várias zonas da sala. Eu como fiquei nos lugares mais baratos tive que sair e entrar por uma porta ao lado, a chamada porta do cavalo.
Uma fotografia com a imagem mais emblemática da peça, todo o grupo na sala da mansão, qual deles é o criminoso? Perguntamos nós ao fitar a
grande fotografia ao lado do número de representações realizadas.
Ao entrar na sala propriamente dita, esta transporta-nos ainda para uma época mais Vitoriana, uma veradeira sala de teatro e como muitas em Londres, padece de falta de espaço o que levou a que fosse construída sobre o alto, ou seja, é uma sala muito declive o que para quem se encontra no balcão tem uma visão muito picada da cena o que é um pouco desconfortante, mas essa sensação passa ao nos integramos na história. Em relação à decoração faz-nos recordar as imagens das séries e filmes dos finais do século XIX, relativamente bem conservada, a boca de cena com um enorme brasão por cima da cortina em veludo vermelho.
As desconfortáveis cadeiras de madeira, deixam, para quem é um pouco alto, algum mau estar nas 2 horas de espectáculo, pois o espaço entre elas é muito curto. Deixo-vos uma fotografia que consegui do interior da sala, antes de informarem o público que não é permitido fotografar ou filmar.



A história passa-se em meados da década de 50 numa mansão convertida num pequeno hotel onde um jovem casal Mollie e Giles Ralston, inicia um negócio no ramo da hotelaria. Certa noite durante uma tempestade de neve ficam presos com mais quatro hóspedes, que os impede de sair e de alguém chegar até eles, mas já perto da casa um passante ocasional, consegue chegar até lá.

O detective Trotter também consegue chegar de esquis ao hotel, avisando que um assassino anda à solta e poderá estar por aquela zona, depois de ter matado uma certa Srta. Maureen Lyon, em Londres.

Quando uma das hóspedes, a Srta. Boyle, aparece morta, o medo apoderasse dos presentes, pois o assassino está entre eles. A suspeita recai sobre Christopher Wren, um jovem divertido e brincalhão que tem uma aparência semelhante à descrição feita do criminoso pelo detective. Porém, logo fica claro que o assassino pode ser qualquer um deles, inclusive os donos do hotel.
Mas no final o assassino é....

Pois, no final da peça um dos actores vem à boca de cena falar com os espectadores pedindo para que os ajudemos a manter a tradição pedindo aos presentes que após saírem do teatro não revelem quem é o assassino. E eu assim o faço.


Bilhete do espectáculo




Cenário da peça original de 1952 no Ambassadors Theatre. Actualmente o cenário é exactamente igual.


Cena da peça com os actores de 1952.


Editado pela última vez por misterio em Qua Set 02, 2009 3:29 am, num total de 19 vezes
Voltar ao topo
Ver o perfil de utilizadores Enviar Mensagem Privada Enviar email Visitar a página na web do utilizador MSN Messenger

Al_Tereg



Registrado em: 02 Mar 2009
Mensagens: 1327
Local/Origem: Faro

MensagemColocada: Qua Mai 20, 2009 3:51 pm    Assunto: Responder com Citação

Eu ainda não tive o prazer, nem sei se virei a ter, de alguma vez ver a peça em Londres, mas vi uma versão portuguesa, em Lisboa (já não me recordo em que teatro), talvez por finais dos anos 70 ou inícios de 80, julgo. Lembro-me que quem fazia de inspector era o Júlio César. Portanto, houve pelo menos essa encenação em Portugal antes dessa de 2008 que referes e que, confesso, me passou despercebida (é o que dá viver na província Smile).

E claro, também li o livro, até porque tenho as obras completas da escritora, na colecção Vampiro Gigante - esta história foi publicada no nº 26. Mas gostaria, de facto, de ver a peça original, mesmo já sabendo quem é o culpado, claro. Wink
Voltar ao topo
Ver o perfil de utilizadores Enviar Mensagem Privada

misterio
Administrador


Registrado em: 17 Out 2005
Mensagens: 2801
Local/Origem: Porto - Portugal

MensagemColocada: Ter Jun 09, 2009 4:03 am    Assunto: Responder com Citação

Em Portugal o livro foi editado em 1961 pela editora ETA.
Podem ver a constituição do elenco na segunda imagem.



Em Portugal esta peça esteve em cena no saudoso teatro Monumental, após alguns dias de investigação na biblioteca do Porto, consegui apurar as seguintes referências:

Data de Estreia a 22 Junho 1960 com ante-estreia no dia 21 e termina as representações após 8 semanas no Domingo dia 7 de Agosto.

(Em Meados de Julho disponibilizo algumas publicidades dos jornais.)

Voltar ao topo
Ver o perfil de utilizadores Enviar Mensagem Privada Enviar email Visitar a página na web do utilizador MSN Messenger

misterio
Administrador


Registrado em: 17 Out 2005
Mensagens: 2801
Local/Origem: Porto - Portugal

MensagemColocada: Sex Jul 24, 2009 3:37 am    Assunto: Responder com Citação

Algumas publicidades do Diário de Noticias:



Voltar ao topo
Ver o perfil de utilizadores Enviar Mensagem Privada Enviar email Visitar a página na web do utilizador MSN Messenger

john john



Registrado em: 21 Jul 2009
Mensagens: 3

MensagemColocada: Qua Set 02, 2009 7:51 pm    Assunto: agatha christie Responder com Citação

ja li quase tudo da escritora,
parabens pela elaboração do conteudo
esta muito bom
Voltar ao topo
Ver o perfil de utilizadores Enviar Mensagem Privada

JVerne



Registrado em: 20 Jun 2007
Mensagens: 180
Local/Origem: Porto

MensagemColocada: Sáb Set 05, 2009 10:40 pm    Assunto: Responder com Citação

Dia 12 é lançada a colecção da Agatha Christie no Correio da Manhã.
_________________
"Tudo o que um homem pode imaginar, outros podem tornar realidade." JV
Voltar ao topo
Ver o perfil de utilizadores Enviar Mensagem Privada Visitar a página na web do utilizador

misterio
Administrador


Registrado em: 17 Out 2005
Mensagens: 2801
Local/Origem: Porto - Portugal

MensagemColocada: Qua Set 15, 2010 4:04 am    Assunto: Responder com Citação

Faz hoje 120 anos que em Torquay nasceu Agatha May Clarissa Mallowan corria o ano de 1890.
O resto da história já todos devem conhecer.

"Há muitos, muitos anos atrás, quando eu ia para a Riviera ou para Paris, costumava ficar fascinada pela visão do Orient Express em Calais, e desejava ardentemente viajar nele. Agora, ele já se tornou um amigo velho e familiar, mas a emoção não morreu de todo. Eu vou nele! Eu estou nele! Estou precisamente no carro azul, com uma simples legenda do lado de fora: CALAIS-ISTAMBUL. É, sem dúvida, o meu comboio favorito."
Agatha Christie


O Expresso do Oriente na Victoria Station em Londres aquando da sua partida (2010)
imagem: Paulo Ferreira
Voltar ao topo
Ver o perfil de utilizadores Enviar Mensagem Privada Enviar email Visitar a página na web do utilizador MSN Messenger

misterio
Administrador


Registrado em: 17 Out 2005
Mensagens: 2801
Local/Origem: Porto - Portugal

MensagemColocada: Dom Out 31, 2010 5:07 pm    Assunto: Responder com Citação

Dois novos lançamentos da e sobre Agatha Christie:
Já à venda uma edição especial do Um Crime no Expresso do Oriente, editado pela Asa. Esta obra ímpar em que a vingança é o prato servido a bordo deste mítico comboio e em que o final é a deliciosa sobremesa, inesquecível de uma verdadeira obra de arte.



Os cadernos secretos de Agatha Christie é a obra escrita por John Curran que foi o consultor durante o restauro da casa de campo de Agatha em Greenway House. Teve acesso aos arquivos privados da escritora onde se incluem 73 volumes escritos à mão e dá a conhecer duas histórias inéditas de Hercule Poirot, são elas: O Incidente da Bola do Cão e A Captura de Cérbero.
O lançamento do livro está previsto já para o mês de Novembro pela Edições Asa.

Voltar ao topo
Ver o perfil de utilizadores Enviar Mensagem Privada Enviar email Visitar a página na web do utilizador MSN Messenger

Popeye



Registrado em: 27 Jan 2008
Mensagens: 700
Local/Origem: Figueira da Foz, Coimbra e Lx

MensagemColocada: Seg Nov 01, 2010 1:16 pm    Assunto: Responder com Citação

misterio escreveu:

Os cadernos secretos de Agatha Christie é a obra escrita por John Curran que foi o consultor durante o restauro da casa de campo de Agatha em Greenway House. Teve acesso aos arquivos privados da escritora onde se incluem 73 volumes escritos à mão e dá a conhecer duas histórias inéditas de Hercule Poirot, são elas: O Incidente da Bola do Cão e A Captura de Cérbero.
O lançamento do livro está previsto já para o mês de Novembro pela Edições Asa.


Ena ver se não me esqueço de comprar, pelos 2 inéditos de Poirot Very Happy
_________________
I'm Popeye, the sailorman!
I am what I am, and that's all what I am!
Voltar ao topo
Ver o perfil de utilizadores Enviar Mensagem Privada

misterio
Administrador


Registrado em: 17 Out 2005
Mensagens: 2801
Local/Origem: Porto - Portugal

MensagemColocada: Sáb Jun 18, 2011 9:06 pm    Assunto: Responder com Citação

Gostaria de partilhar com os nossos amigos, uma pequena curiosidade na passagem de Agatha Christie pelo nosso país.
Há uns anos tive o previlégio de falar várias vezes com o então chamado "Inspector Varatojo" (Artur Varatojo), célebre escritor, apresentador de TV e criminologista com o objectivo de arranjar material para o meu site Clássicos da Rádio e foi numa destas conversas que me contou a sua aventura para poder conhecer pessoalmente a escritora . Varatojo era um fã incondicional de Agatha Christie e sabendo da sua vinda a Portugal tentou um encontro com escritora mas sem êxito pois ela não iria dar entrevistas. Sabendo que a sua fruta preferida era maçãs, preparou um cesto cheio de boas e bonitas maçãs e no hotel (?) conseguiu, mais a mulher, entregar pessoalmente a fruta e um autógrafo num dos livros. Tendo sido uma das poucas pessoas que conseguiu contactar a autora aquando da sua vinda a Portugal.


Artur Varatojo e aesposa a oferecer o cesto com as maçãs.


O autógrafo



Editado pela última vez por misterio em Ter Set 09, 2014 1:19 pm, num total de 3 vezes
Voltar ao topo
Ver o perfil de utilizadores Enviar Mensagem Privada Enviar email Visitar a página na web do utilizador MSN Messenger

anabreu



Registrado em: 21 Mai 2006
Mensagens: 2855
Local/Origem: Porto

MensagemColocada: Seg Jul 25, 2011 10:56 am    Assunto: Responder com Citação

Ainda hoje uma das minhas escritoras preferidas.... não há como ler um livro dela para descomprimir Smile

Temos que combinar uma viagem Mistério Juvenil no Expresso do Oriente (isso é que era heim??) Wink

...mas de preferência sem crimes, só "reconstituições", haha!
Voltar ao topo
Ver o perfil de utilizadores Enviar Mensagem Privada MSN Messenger

anabreu



Registrado em: 21 Mai 2006
Mensagens: 2855
Local/Origem: Porto

MensagemColocada: Seg Jul 25, 2011 10:57 am    Assunto: Responder com Citação

...e claro, eu não me posso esquecer dos comprimidos para o enjoo Embarassed Embarassed Embarassed
Voltar ao topo
Ver o perfil de utilizadores Enviar Mensagem Privada MSN Messenger

misterio
Administrador


Registrado em: 17 Out 2005
Mensagens: 2801
Local/Origem: Porto - Portugal

MensagemColocada: Ter Jul 26, 2011 3:55 pm    Assunto: Responder com Citação

E de dinheiro Ana, muito dinheiro, uma viagem de Londres a venez 2 dias 1 noite fica por 2300EUR (só ida).
Os preços aqui:
http://www.orient-express.com/web/vsoe/fares.jsp
Voltar ao topo
Ver o perfil de utilizadores Enviar Mensagem Privada Enviar email Visitar a página na web do utilizador MSN Messenger

anabreu



Registrado em: 21 Mai 2006
Mensagens: 2855
Local/Origem: Porto

MensagemColocada: Qui Jul 28, 2011 3:55 pm    Assunto: Responder com Citação

vá, vinhamos de avião, sempre ficava mais em conta Smile

....temos que continuar a jogar no Euromilhões Smile Se eu ganhar fica já aqui prometido, que pago a viagem ao grupinho da praxe Wink Wink
Voltar ao topo
Ver o perfil de utilizadores Enviar Mensagem Privada MSN Messenger

misterio
Administrador


Registrado em: 17 Out 2005
Mensagens: 2801
Local/Origem: Porto - Portugal

MensagemColocada: Qui Jul 28, 2011 10:39 pm    Assunto: Responder com Citação

Mas isso também eu prometo.
Voltar ao topo
Ver o perfil de utilizadores Enviar Mensagem Privada Enviar email Visitar a página na web do utilizador MSN Messenger

Popeye



Registrado em: 27 Jan 2008
Mensagens: 700
Local/Origem: Figueira da Foz, Coimbra e Lx

MensagemColocada: Seg Set 19, 2011 7:09 pm    Assunto: Responder com Citação

Popeye escreveu:
misterio escreveu:

Os cadernos secretos de Agatha Christie é a obra escrita por John Curran que foi o consultor durante o restauro da casa de campo de Agatha em Greenway House. Teve acesso aos arquivos privados da escritora onde se incluem 73 volumes escritos à mão e dá a conhecer duas histórias inéditas de Hercule Poirot, são elas: O Incidente da Bola do Cão e A Captura de Cérbero.
O lançamento do livro está previsto já para o mês de Novembro pela Edições Asa.


Ena ver se não me esqueço de comprar, pelos 2 inéditos de Poirot Very Happy


Alguém já leu este livro?
O que acharam
Acho que vou comprar esta semana para oferecer Smile (ainda procurei no mercado dos semi-novos Razz, mas sem sucesso)
_________________
I'm Popeye, the sailorman!
I am what I am, and that's all what I am!
Voltar ao topo
Ver o perfil de utilizadores Enviar Mensagem Privada

misterio
Administrador


Registrado em: 17 Out 2005
Mensagens: 2801
Local/Origem: Porto - Portugal

MensagemColocada: Seg Set 19, 2011 10:22 pm    Assunto: Responder com Citação

Ainda não li todo mas estou a achar muito interessante, pois adoro ler relatos das descobertas dos investigadores.
Voltar ao topo
Ver o perfil de utilizadores Enviar Mensagem Privada Enviar email Visitar a página na web do utilizador MSN Messenger

misterio
Administrador


Registrado em: 17 Out 2005
Mensagens: 2801
Local/Origem: Porto - Portugal

MensagemColocada: Ter Set 09, 2014 1:33 pm    Assunto: Responder com Citação

Poirot Regressa com os "Crimes do Monograma"

Esta terça-feira, Poirot regressa para um último caso. Os Crimes do Monograma, com estreia mundial marcada para hoje dia 9 de setembro, é o primeiro romance autorizado pela família de Agatha Christie, protagonizado pelo seu mais famoso detetive. A autoria é de Sophie Hannah, escritora bestseller de ficção policial, poeta consagrada e claro, fã incondicional de Poirot e Christie. Este será o nono policial escrito pela autora. Fortemente aclamada pela crítica, o talento de Hannah tem conquistado fãs por todo o mundo.

A ação decorre na década de 1920, entre o frenesim da cidade de Londres e o ambiente bucólico do campo. Sentado no seu café favorito, Poirot vê o seu jantar de quinta-feira arruinado ao ser abordado por uma jovem mulher. Esta diz-lhe que vai ser assassinada, mas que ele não se preocupe em investigar o seu crime. A sua morte será merecida. Entretanto, perto dali, o elegante Hotel Bloxham é palco de três assassinatos. Poirot junta-se então ao amigo Catchpool, detetive da Scotland Yard na investigação do misterioso caso.

Para os mais curiosos, o primeiro capítulo do novo livro encontra-se disponível para download através do site oficial de Agatha Christie. Para os que preferirem esperar, estará disponível a partir de amanhã, dia 9, com o cunho da editora ASA.

Desde a publicação do seu primeiro livro em 1920, Agatha Christie escreveu mais de três dezenas de obras, oito dos quais policiais, sob o pseudónimo de Mary Westmacott. Os títulos venderam mais de quatro mil milhões de exemplares em todo o mundo, fazendo de Christie a escritora mais lida de sempre.

A propósito do regresso do detetive, e antecipando as comemorações do 125º aniversário do nascimento de Agatha Christie, irá realizar-se mais uma edição do Festival Internacional Agatha Christie na cidade de Torquay em Inglaterra, a terra natal da escritora. O festival acontecerá entre os dias entre os dias 14 e 21 de setembro e contará com a presença de Sophie Hannah, que irá apresentar o livro pela primeira vez ao público.


foto Paulo Ferreira

Voltar ao topo
Ver o perfil de utilizadores Enviar Mensagem Privada Enviar email Visitar a página na web do utilizador MSN Messenger

misterio
Administrador


Registrado em: 17 Out 2005
Mensagens: 2801
Local/Origem: Porto - Portugal

MensagemColocada: Sáb Set 13, 2014 1:21 pm    Assunto: Responder com Citação

Já se encontra à venda a mais recente história de Hercule Poirot "Os Crimes do Monograma". Baseado na personagem criada por Agatha Christie esta nova história é da autoria de Sophie Hannah.
O seu lançamento mundial foi no passado dia 9 de Setembro.
Uma edição com 318 páginas da Asa. O preço de editor é de 13,90EUR mas facilmente consegue-se com desconto.

Voltar ao topo
Ver o perfil de utilizadores Enviar Mensagem Privada Enviar email Visitar a página na web do utilizador MSN Messenger

misterio
Administrador


Registrado em: 17 Out 2005
Mensagens: 2801
Local/Origem: Porto - Portugal

MensagemColocada: Sáb Set 13, 2014 2:00 pm    Assunto: Responder com Citação



Foi editado em Junho deste ano o número 5 da coleção "Crime há Hora do Chá" com o título "Quem Matou o Almirante", um policial escrito a várias mãos no início da década de 30 do Século XX, os seus autores faziam parte de uma clube, a fugir para uma sociedade secreta, em que faziam parte autores policiaristas consagrados, destacam-se Agatha Christie que chegou a ser presidente do clube de 1957 a 1976, Dorothy L. Sayers, Freeman Wills Crofts, Hugh Walpole, G. K. Chesterton.
Por cá esta obra já tinha sido editada na coleção Vampiro (editora Livros do Brasil) com o número 500.



O Detection Club é um grupo de escritores que reúne os mestres da literatura policial. Formado em 1930, a este grupo pertencia Anthony Berkeley, G.K. Chesterton, Agatha Christie, G.D.H. Cole, Margaret Cole, Freeman Wills Croft, Clemence Dane ,Edgar Jepson, Milward Kennedy, Ronald Knox, John Rhode, Dorothy L. Sayers, Henry Wade e Victor L. Whitechurch. Em 1933, com a publicação de 'Ask a Policeman', Gladys Mitchell e Helen de Guerry Simpson juntaram-se ao grupo. Além de se ajudarem uns aos outros em aspectos técnicos nos seus trabalhos individuais, os membros aderiam a um código de ética segundo o qual o leitor deveria ter uma oportunidade justa de adivinhar o culpado. Foram publicadas várias obras por este clube, sendo normalmente cada autor contribuía com um ou mais capítulos. No caso de 'Quem Matou o Almirante', cada autor forneceu também uma solução para o mistéiro conforme o capítulo que tinham escrito.
Voltar ao topo
Ver o perfil de utilizadores Enviar Mensagem Privada Enviar email Visitar a página na web do utilizador MSN Messenger

gnoski



Registrado em: 11 Nov 2007
Mensagens: 180

MensagemColocada: Sáb Set 13, 2014 11:34 pm    Assunto: Responder com Citação

anabreu escreveu:
vá, vinhamos de avião, sempre ficava mais em conta Smile

....temos que continuar a jogar no Euromilhões Smile Se eu ganhar fica já aqui prometido, que pago a viagem ao grupinho da praxe Wink Wink



Era bem fixe !
O melhor será fazermos um grupinho que alinhe a jogar nos euromilhões...
Voltar ao topo
Ver o perfil de utilizadores Enviar Mensagem Privada

anabreu



Registrado em: 21 Mai 2006
Mensagens: 2855
Local/Origem: Porto

MensagemColocada: Seg Set 29, 2014 9:51 am    Assunto: Responder com Citação

gnoski escreveu:
Era bem fixe !
O melhor será fazermos um grupinho que alinhe a jogar nos euromilhões...


...eu falo, falo, e muito raramente jogo, assim é que não me sai nada Wink

Paulo, já tiveste oportunidade de ler esse "Os crimes do monograma"?

...acho deveras intrigante, já que se não me falha a memória, no ultimo livro do Poirot the Agatha Christie escreveu, o detective morreu, o que quererá dizer que cronologicamente esta nova aventura se terá passado anteriormente a isso. No entanto é definitivamente um livro que irei colocar na minha wishlist!!

Quanto à Colecção "Crime à Hora do Chá", mantem-me agarrada desde o 1º numero, apesar de ter passado precisamente esse "Quem Matou o Almirante" à frente - já que li o da colecção Vampiro de Bolso - e muito sinceramente, desilude-me um pouco o facto de terem publicado esse titulo na colecção, cujo propósito achei que seria apresentar-nos "novos autores" do romance policial clássico - e por "novos" pretendo dizer, autores e títulos não publicados ainda em português até à data - e neste aspecto, este "Quem matou o almirante" de novo não tem muito... Em contrapartida, adorei os titulos publicados de Caroline Graham, quanto a mim uma digníssima sucessora de Agatha Christie! (...e mal posso esperar por mais livros do inspector Barnaby Rolling Eyes ).
Voltar ao topo
Ver o perfil de utilizadores Enviar Mensagem Privada MSN Messenger
Mostrar os tópicos anteriores:   
Novo Tópico   Responder a Mensagem    Índice do Fórum Mistério Juvenil : AUTORES E COLEÇÕES DIVERSAS Todos os tempos são GMT
Ir à página 1, 2  Seguinte
Página 1 de 2

 
Ir para:  
Neste fórum, você Não pode colocar mensagens novas
Não pode responder a mensagens
Não pode editar as suas mensagens
Não pode remover as suas mensagens
Você Não pode votar neste fórum